Exposição dos Operadores

Mesmo particulados não tóxicos podem ser prejudiciais à saúde

Partículas inaladas podem colocar em risco a saúde mesmo não sendo tóxicas e não entrando na corrente sanguínea. Asbestos e sílica são exemplos bem conhecidos: os tecidos pulmonares tendem a absorver estas substâncias, prejudicando a circulação de oxigênio pela corrente sanguínea.

Operações em diferentes segmentos industriais expõem o trabalhador ao risco de inalar pós ou outras partículas sólidas. Essa geração ocorre em diferentes formas, seja durante manipulação de pós em indústrias farmo-químicas ou alimentícias, seja em operações de usinagem de peças em fibra de vidro.

O grau de periculosidade depende de como o organismo do operador reage às substâncias: algumas pessoas tendem a apresentar sintomas imediatamente enquanto outras podem desenvolver alergias após longo tempo de exposição.

Ventilação geral não é uma solução suficiente para partículas em suspensão pois sua eficiência na captação dos contaminantes não pode ser verificada: o pó que é produzido em um local pode se acumular em outro e ser inalado por outras pessoas que estão no mesmo ambiente.

Captação na fonte de emissão filtragem de particulados são a melhor solução para o problema. Os particulados são coletados o mais próximo possível de sua fonte de emissão.

A Nederman oferece vários tipos de coletores de pó, braços extratores, soluções para exaustão e filtragem e sistemas de vácuo para limpeza industrial.