Como saber se a poeira é combustível?

Poeira combustível

A poeira combustível é um fenómeno mais comum do que se possa imaginar. A combustibilidade de uma poeira à base de madeira é bastante óbvia, mas muitos outros materiais orgânicos em pó – por exemplo, cacau, farinha, polpa de limão ou açúcar - também são potencialmente explosivos. Assim como a maioria das partículas finas de poeira de produtos farmacêuticos, plásticos, têxteis e uma variedade de outros materiais.

Quais os produtos e materiais que podem causar uma explosão de poeira combustível?

Desde maçãs a zinco; a lista de produtos que se podem inflamar na forma de pó é extensa e inclui uma ampla gama de materiais. Alguns deles, como alumínio e ferro, não são combustíveis em partículas maiores, mas podem ser quando transformados em pó. No site da Administração de Segurança e Saúde Ocupacional dos Estados Unidos (OSHA) encontra uma lista abrangente de materiais combustíveis.

 

Avaliar a combustibilidade da poeira

O tipo de poeira combustível manuseado num processo produtivo não determina por si só, o quão explosivo ele realmente é, apenas que é potencialmente explosivo. Avaliar se uma poeira em particular apresenta risco de explosão requer um teste em laboratório profissional, onde uma amostra da poeira é inflamada num ambiente controlado e então medida e analisada.

Dois elementos-chave dessa análise são o valor Kst e o valor Pmax da sua poeira. O índice Kst representa a taxa de aumento da pressão ou seja a velocidade com que a onda de explosão se propaga caso a poeira entre em combustão e de um certo modo pode medir a gravidade relativa de uma substancia em relação a outra. A forma, tamanho e nível de humidade das partículas de poeira são apenas alguns dos fatores que determinam o valor Kst da poeira. O valor Pmax indica a pressão máxima gerada quando a poeira explode.

 

A classe de explosão de poeira revela a gravidade da explosão de poeira

Os tipos de poeiras combustíveis são divididos em quatro classes: St0, St1, St2 e St3. Um valor alto de Kst terá uma classificação elevada na escala de classe, indicando uma explosão potencialmente violenta. Da mesma forma, um valor Kst de 0 significa que há risco zero de explosão de poeira combustível.

 

  • St 0: valor de Kst 0 - sem explosão. Típico de poeiras de sílica, poeiras de fumos de soldadura ou geradas termicamente (por processos de corte, por exemplo).
  • St 1: valor de Kst> 0-200 - explosão fraca. Típico de carvão, leite em pó, açúcar, enxofre, pó de madeira, zinco.
  • St 2: valor de Kst> 200-300 - explosão forte. Típico de celulose, serradura, acrilato de polimetil (PMA).
  • St 3: valor de Kst> 300 - explosão muito forte. Típico de poeiras metálicas como alumínio, magnésio ou titânio.

 

Clique aqui para ler mais sobre como evitar acidentes com poeiras potencialmente combustíveis na fábrica ou oficina. Na Nederman, temos uma vasta experiência em ajudar as empresas a avaliar e lidar com os riscos de segurança representados pela poeira combustível, garantindo ar limpo na indústria. Para obter mais informações sobre o trabalho que fazemos, visite o nosso site e leia mais artigos aqui no Centro de Conhecimento Nederman. Se desejar que o ajudemos a avaliar o risco de explosões de poeira combustível do seu local de trabalho, entre em contato connosco.