Projeto de alunos de engenharia do Insper reforma carroças de catadores de lixo reciclável

Filtercart escola Insper

Iniciativa que contribui com importante categoria de trabalhadores no Brasil, utiliza a soldagem e conta com equipamentos da Nederman para captação e filtragem de fumos de solda.

Foi recentemente, em 2017, que a última edição do Anuário Estatístico da ABAL (Associação Brasileira do Alumínio) destacou o Brasil como o país que mais recicla alumínio no planeta, chegando a reciclar 97,9% de suas latinhas de alumínio, o que corresponde a 292,5 mil toneladas. Um número de se orgulhar, pois segundo o Comitê de Mercado de Reciclagem da ABAL, desta forma o País injetou na economia cerca de 739 milhões de reais. Sem contar que a reciclagem de latinhas ainda beneficia o meio ambiente diminuindo 95% das emissões de gases de efeito estufa que seriam gerados na produção de alumínio. Mas para que esses números fossem tão expressivos, não podemos deixar de lembrar dos grandes responsáveis por este resultado: a categoria de catadores de lixo, que segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), são eles os encarregados por quase 90% do lixo reciclado no Brasil.

Foi pensando neste grupo de catadores, que somam cerca de 800 mil no Brasil, sendo 20 mil só em São Paulo, que alunos de engenharia do Insper – Instituto de Ensino e Pesquisa de São Paulo, resolveram fazer a diferença desenvolvendo um projeto para dar mais visibilidade e ajudar quem trabalha com reciclagem, reformando algumas carroças deste trabalhadores, que inclusive sobrevivem deste árduo ofício.

Insper disponibiliza laboratório para alunos

No Insper, os alunos têm à disposição um laboratório equipado com equipamentos e ferramentas essenciais para a reforma das carroças, e dentre eles encontram-se as máquinas de solda, que ao serem utilizadas geram fumos extremamente nocivos à saúde dos operadores – estes fumos são particulados muito finos que podem ser facilmente inalados penetrando no aparelho respiratório e contaminado o organismo com perigosos metais pesados. É neste momento que mais uma vez a escola entra com o papel fundamental na formação dos futuros engenheiros, pois também disponibiliza filtros móveis para a captação e filtragem dos fumos provenientes da soldagem de metais, demonstrando preocupação e cuidado com seus alunos, que por sua vez, também desenvolvem uma consciência social e ambiental para sua vida profissional.

O filtro móvel utilizado no laboratório do Insper é o FilterCart da Nederman, que capta diretamente na fonte de emissão os fumos de solda – método mais eficiente e eficaz para remoção do fino particulado gerado na soldagem. Os componentes necessários para conseguir uma captação na fonte adequada são um exaustor de fumos facilmente posicionado com uma coifa bem concebida. Com um extrator de fumos adequado e um soldador consciente que posiciona a proteção de modo correto, consegue-se um ambiente de trabalho muito mais limpo e seguro.

Pela relevância do projeto e pela excelente iniciativa dos alunos e professores, recentemente este assunto foi uma das pautas do Jornal Nacional, televisionado na maior rede de comunicações do Brasil, a Globo, e que soma mais de 20 milhões de telespectadores por dia.

Case de sucesso Insper Filtercart

Este artigo foi escrito a partir das seguintes fontes de informação: